Berlin ganha museu dedicado à Arte Urbana Contemporânea


O Museu de Arte Urbana Contemporânea da capital alemã foi inaugurado no sábado, 16/09, no Bairro de Schöneberg. A abertura do edifício, que abriga trabalhos de artistas praticantes da street art, foi anunciada no começo do ano passado, e, desde então, despertou polêmica por abrigar obras que pressupõem “um caráter subversivo”. Apelidado de “Artmeile” ou “Art Mile”, o museu é localizado em um prédio reformado, e tem algumas características emprestadas das ruas, como o piso asfaltado e uma área aberta. A diretora da instituição, Yasha Young, disse que a arte urbana é “o próximo passo para acompanhar o que está acontecendo no mundo”. “O museu pode se tornar um arquivo que conta a história (da arte de rua) pela primeira vez, do começo até agora”, afirmou Young, acrescentando que a arte pertence legitimamente à rua. Grafites são ilegais em Berlim a menos que o proprietário da área pichada dê permissão. Vinte anos atrás, o município destinou quase US$ 5 milhões para apagar grafites, e um lobby foi criado para garantir lugares para os artistas de rua praticarem legalmente. “É legal que este museu esteja surgindo, porque significa que os artistas que têm sido parte desta cena e movimento há muito tempo agora estão recebendo o respeito que merecem”, disse o londrino Louis Masai, um dos 150 artistas cujos trabalhos serão exibidos. Foto: Prédio no bairro de Schöneberg onde está o Museu de Arte Urbana Contemporânea. Reuters Brasil.

02_Atividade_será_ministrada_pelo_profes
centro_de_memória_do_circo__hoje_tem_esp
site_ProAc.jpg
170119IrmaCida.jpg
19.11.20 - Izilda e Zoroastro.jpg
ELISEUmaHistoriaPara.jpg
130917materia_blog.jpg
01SHumor_Cleiton Carlos e Anselmo Dequer
Uma História para Elise.jpeg