Grafite critica “cura gay” e propõe retomada de discussão sobre racismo


Manifestação artística no centro de Campinas/SP questiona a “brilhante iniciativa” do “ilustre” deputado federal que – pasmem – propôs a “cura gay”. O Projeto de Lei de João Campos (PSDB/GO), também conhecido como “Terapia da Reorientação Sexual”, “Terapia de Conversão” ou “Terapia Reparativa”, consiste no conjunto de técnicas para extinguir a homossexualidade do indivíduo. Mas, ao questionar “Porque cura gay e não cura racista???”, o autor desconhecido coloca em pauta outra discussão da sociedade: o preconceito racial. O grafite está num dos túneis da praça anexa ao Mercado Municipal.

Fotos: Anselmo Dequero. Data: 09/03/2018. Local: Praça anexa ao Mercado Municipal de Campinas.

Curta e inscreva-se no canal de humor mais abençoado do Brasil

Os melhores vídeos disponíveis para você na maior e melhor plataforma do gênero em nível mundial. Clique aqui!