Bernardina e Campesina precisam se unir para “salvar” a jovem Elise


A situação começa a ficar bastante complicada para Bernardina (Cleiton Carlos) e Campesina (Ari Moura) na boate da Rua XII. A presença de um oficial de Justiça muda a rotina dos atores transformistas, quem não esperavam tantas perguntas sobre o paradeiro de Elise, considerada a mais bela, sensual e importante artista da boate de subúrbio (um “lixo de boate”, dizem as personagens). “Não havia mais argumentos para apresentar a Antero da Redenção, o tal oficial de Justiça”, comenta o ator Ari Moura. “Quanto mais falavam, mas se complicavam diante da truculência do oficial na boate”, completou o ator Cleiton Carlos. O espetáculo possui texto e direção de Anselmo Dequero. “Essa é uma bela história para rir, refletir e se emocionar com as personagens”, finalizou o diretor. “Uma História para Elise” Mais informações | Cia B.O. de Teatro Experimental SERVIÇO “Uma História para Elise” Local: Museu da Imagem e do Som Rua Regente Feijó, 859 Centro – Campinas/SP Data: 04/05/2018 Horário: 19h30 Classificação: 16 anos. Entrada Franca

02_Atividade_será_ministrada_pelo_profes
centro_de_memória_do_circo__hoje_tem_esp
site_ProAc.jpg
170119IrmaCida.jpg
19.11.20 - Izilda e Zoroastro.jpg
ELISEUmaHistoriaPara.jpg
130917materia_blog.jpg
01SHumor_Cleiton Carlos e Anselmo Dequer
Uma História para Elise.jpeg